jusbrasil.com.br
11 de Agosto de 2022

7 maneiras fáceis e gratuitas de conseguir mais tráfego para o seu site de advocacia

Mayara Martins, UX Designer
Publicado por Mayara Martins
há 2 anos

Você quer conseguir mais tráfego para o seu site de advocacia? Bom, eu separei 7 maneiras simples de você conseguir isso.

Desde o compartilhamento de seu site nas redes sociais, textos, design responsivo e SEO para iniciantes, esse guia rápido vai te ajudar a conseguir mais tráfego para o seu site de advocacia.

Alguns te darão resultados imediatos. Outros são uma semente que você vai plantar e colher os frutos no longo prazo.

Vamos lá?

1. Envie um e-mail para sua rede contando que você tem um site de advocacia

Enviar um e-mail para sua rede é uma ótima maneira de conseguir mais acesso no seu site de advocacia.

Essa prática é bem simples porque a única coisa que você terá que fazer é dizer que você tem um site e pedir para que as pessoas compartilhem.

92% das pessoas confiam nas referências de amigos, então, isso pode realmente te ajudar a gerar tráfego e possíveis clientes.

Para isso, basta enviar dois e-mails em lote: 1) para sua família e amigos; e 2) para contatos comerciais. (Dica: use Cco em seus e-mails, para não compartilhar os seus contatos com os demais).

Exemplo de e-mail: Olá! Tudo bem? Estou entrando em contato com você porque acabei de lançar meu novo site de advocacia. A ideia é expandir a minha marca e divulgar meus serviços e conhecimento. Você poderia me dar um feedback e me ajudar compartilhando com a sua rede também?

Acredite, você ficará surpreso com o quão solidárias as pessoas são. Elas vão te ajudar a divulgar sua mensagem e, no mínimo, você receberá um bom aumento no tráfego do seu site de advocacia.

2. Compartilhe o link do seu site de advocacia em seus perfis

As mídias sociais não servem apenas para compartilhar fotos do seu dia a dia, animais de estimação ou suas receitas favoritas.

Redes como o Facebook e Instagram são ferramentas poderosas para divulgar seu site.

Para quem acha que o Facebook morreu, a rede possui 2,7 bilhão de usuários ativos mensais. Esse é um público gigante para começar a se comunicar.

Além disso, redes mais corporativas, como o LinkedIn e o Jusbrasil são plataformas incríveis para você divulgar o link do seu site de advocacia, colocando-o na sua bio e nos conteúdos que você pública por lá.

Por isso, crie uma conta do seu escritório nessas redes, mantenha seu perfil atualizado e, de vez em quando, não deixe de convidar as pessoas a entrarem no seu site, ver mudanças e atualizações que acontecem por lá.

Se você quiser se aprofundar no marketing de mídia social para advogados, pode acompanhar os conteúdos que público semanalmente no meu site.

3. Coloque seu escritório de advocacia no Google Meu Negócio

As pessoas estão procurando empresas no Google. Se o seu escritório de advocacia não estiver lá, onde ele está?

Estar no Google significa ser visto por 95% de pessoas que usaram o Google para comparar empresas antes de decidir qual delas entrar em contato primeiro.

Por isso, ser encontrado no Google aumentará seu tráfego online, com a vantagem adicional de direcionar leads reais para seu site de advocacia.

Esta é a etapa mais fácil que você pode realizar agora para promover seu escritório de advocacia.

O processo leva apenas 15 minutos. O Google te enviará um card para confirmar os detalhes e seu escritório aparecerá para sempre nas pesquisas.

Quando você se cadastra no Google Meu Negócio, todos os detalhes sobre seu escritório de advocacia aparecem por lá, desde a área em que você atua, o link para o seu site de advocacia, sua localização e até sua classificação.

É uma forma incrível das pessoas te encontrarem quando estiverem pesquisando.

4. Certifique-se que seu site de advocacia é responsivo para dispositivos móveis

Se o seu site não for compatível com dispositivos móveis, suas chances de "aparecer" quando as pessoas estiverem procurando por você irão diminuir.

Por quê?

O uso do celular ultrapassou o do desktop, e o Google começou a favorecer os sites otimizados para celular em seus resultados de pesquisa.

Isso significa que se o seu site de advocacia não for responsivo para dispositivos móveis, perderá espaço para os que são.

Além disso, mesmo que você obtenha tráfego para seu site de advocacia, os visitantes provavelmente sairão, se não tiver um bom desempenho em dispositivos móveis.

Para avaliar se o seu site de advocacia é responsivo ou não, você pode contratar um web designer ou fazer você mesmo.

Essa avaliação é muito importante e, dependendo de como seu site foi construído, pode ser necessário um redesenho total.

5. Entenda como o SEO pode impactar seu site de advocacia

Como você deve saber, as pessoas estão procurando por serviços na internet, e isso inclui serviços jurídicos e advogados online.

Para você entender, trabalhar bem o SEO do seu site de advocacia é como jogar diversas iscas na água.

Quando as pessoas - que são os peixes - pesquisam por algo que você oferece - a isca -, elas vão te encontrar.

O efeito contrário acontece se o SEO estiver ruim, pois você terá menos probabilidade de receber um clique.

O SEO pode ser uma tarefa intimidante e é exigente o suficiente para preencher carreiras inteiras de alguns profissionais de marketing.

Mas você pode começar pelo básico, priorize as tarefas fáceis que têm resultados comprovados.

Por exemplo, você pode garantir que o título da página, os cabeçalhos, as descrições e os seus conteúdo contenham palavras-chave que as pessoas pesquisam e correspondam ao que você oferece.

Isso tornará seu site de advocacia mais “rastreável” no Google, o que fará com que ele receba mais cliques.

6. Peça para que seus clientes deixem comentários positivos na sua página do Google Meu Negócio

Lembra do item 3? Pois é, no Google Meu Negócio as pessoas podem fazer avaliações sobre os seus serviços.

As avaliações online têm uma influência surpreendente.

O número de estrelas que você tem pode ditar se um possível cliente (lead) acessa seu site ou continua pesquisando.

Isso ocorre porque 90% dos consumidores confiam nas avaliações online.

Quanto mais comentários positivos você tiver, mais tráfego e negócios você terá.

Portanto, incentive seus clientes satisfeitos a deixarem comentários positivos sobre o seu escritório de advocacia, principalmente no Google, já que ele é mais acessado que outras redes, como o Facebook, por exemplo, e recebe mais cliques.

Sua coleção de avaliações positivas ajudará a aumentar sua confiança e, consequentemente, atrair tráfego para seu site de advocacia.

E é super rápido e prático.

Ao incentivar seus clientes satisfeitos a deixarem comentários, você terá sua avaliação de 5 estrelas e mais cliques em um piscar de olhos!

7. Comece a escrever artigos simples em seu site

O famoso marketing de conteúdo pode te ajudar - e muito - a atrair mais leitores para o seu site de advocacia. Mais leitores é igual a mais... tráfego!

Aliás, você sabia que o Google recompensa sites que possuem conteúdo novo e exclusivo?

Se você não sabe por onde começar ou não tem ideias de conteúdo, experimente algo rápido e fácil primeiro. Por exemplo, o motivo pelo qual você iniciou sua advocacia.

Histórias possuem um poder incrível de conexão, e você já começa a ter conteúdos em seu site.

Uma dica legal é entrar e comentar em outros blogs e artigos. Isso estabelecerá conexões com outros escritores em sua área, e você pegará carona em sua comunidade, o que acabará por trazer as pessoas de volta ao seu site.

Publicar textos é uma ótima maneira de atrair visitantes para o seu site de advocacia e estabelecer você como autoridade em seu campo de atuação.

Portanto, comece. Escreva sobre os tópicos fáceis e continue a partir daí.

Conclusão

Site de advocacia devem ter um design impressionante e encantador, mas o número de visitantes leva algum tempo para crescer. É normal.

Não desanime se você não tiver agora a quantidade de tráfego esperava quando criou seu site.

Não há necessidade de jogar a toalha, muito menos achar que “não dá certo”.

Tudo é um processo de crescimento e, com essas dicas simples e rápidas, você pode colocar em prática hoje mesmo e já ver alguns resultados.

Escolha uma ou duas e mergulhe!


publicado originalmente em: mayara-martins.com


Oi, meu nome é Mayara Martins

Dou vida a marca pessoal e sites de advogados.

Usando um design simples, refinado e atemporal. Ajudo a elevar a presença online de advogados & advogadas, e alcançar sua essência por meio de uma estética online distinta. Combino isso com a artigos educativos no mundo do marketing, tecnologia e do design – com o conhecimento vem a capacitação e o negócio com o qual meus clientes sonham.

Informações relacionadas

Advogado Atualizado, Advogado
Artigoshá 7 anos

5 principais erros cometidos pelos advogados nas petições iniciais contra planos de saúde

Analice Costa, Advogado
Artigoshá 5 anos

3 Passos Simples para você escrever a Petição Inicial Perfeita!

Mayara Martins, UX Designer
Artigoshá 2 anos

9 tendências que vão moldar seu escritório de advocacia em 2021

Mayara Martins, UX Designer
Artigosano passado

7 razões pelas quais todo advogado precisa de um site

Thais Teixeira
Artigosano passado

Descubra as vantagens de ter um site para advogado

0 Comentários

Faça um comentário construtivo para esse documento.

Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)